1 Fev

TUDO SOBRE BUDAPESTE – HUNGRIA

BUDAPESTE (HUNGRIA)

 

DICAS DOS AMANTES DE VIAGENS

A melhor informação sobre destinos é aquela que todos os dias são partilhados no nosso grupo de facebook AMANTES DE VIAGENS. Aqui encontra alguma informação útil dos membros, para preparar a sua próxima viagem!

 

Vamos ajudá-lo no planeamento da sua viagem até…BUDAPESTE

 

Budapeste está situada no extremo Leste da Europa, e foi a parte mais inconformada nascida da queda do Império Austro- Húngaro.

A cidade possui um extraordinário legado histórico e arquitectónico, desde as ruínas da cidade romana de Aquincum até ao Castelo de Buda.

A melhor altura do ano para visitar a Hungria é de Maio a Agosto quando as temperaturas se situam entre os 18ºC e os 34ºC. De Outubro a Janeiro faz muito frio com temperaturas na ordem dos -4ºC até 4ºC.  Na época natalícia, a cidade ganha outra beleza devido à neve e aos diversos mercados de Natal presentes, onde existem diversos espectáculos um pouco por toda a cidade.

 

Budapeste - Hungria

Vista aérea de Budapeste- Hungria

 

Câmbio:

Levantar nos ATM, mas nos que pertencem aos bancos.

1€=300 HUF » forint húngaro (aprox.). Em alguns locais o Euro é aceite, apesar das taxas de conversão não serem favoráveis.

 

Transportes:

 

Do Aeroporto para a cidade:

A opção mais económica, será o combinado Bus+Metro. Encontrará na saída do aeroporto, máquinas junto à paragem autocarro ou no interior do aeroporto. Linha 200E (autocarro) 25’ + Metro M3 (linha azul)- KÓBÁNYA- KISPEST (20’- centro). O bilhete combinado tem o custo de 530HUF.

Em alternativa poderá deslocar-se para o centro através do shuttle do aeroporto (6-8€ aproximado) ou de táxi, sendo a opção menos económica.

 

Budapest - Hungary

Metro de Budapeste

 

Dentro da cidade:

De metro, autocarro ou eléctrico, poderá adquirir um conjunto de 10 bilhetes para 10 viagens por 3000 HUF (aprox.10€).

A cidade de Budapeste dispõe de longas vias, fáceis para caminhadas, onde poderá percorrer diversos pontos de interesse.

 

HOP ON HOP OFF – Uma óptima forma de conhecer os locais emblemáticos da cidade (total possível de 47 paragens em diferentes percursos – Valores a partir de 6 000 HUF para 24h), além de um passeio de barco pelo Danúbio com possibilidade de incluído na compra do bilhete. Poderá adquirir o seu bilhete, em diversos locais da cidade.

 

Budapest - Hungary

Hop On Hop Off – Budapeste

 

Se a sua preferência for para visitas de Museus, a melhor opçõa será o Budapest Card – Card 24H- 6490 HUF; 48H – 9990 HUF. Com este cartão permitirá a entrada gratis em 17 museus, 2 passeios grátis (Walking Tour em Buda e Peste), e descontos em restaurantes e outros parceiros.

 

Onde ficar:

Diversas opções de alojamento: Ver AQUI.

 

Budapest - Hungary

Budapeste – Hungria

 

Gastronomia:

Na gastronomia as especialidades da culinária húngara, tais como:

– Rolinhos recheados de repolho;

– Ganso assado;

– Salsichas grelhadas com papicra;

– Goulash (Ensopado de Carne);

– Galuska (Noodles com carne);

– Lángos (Pão frito redondo, acompanhado de carne ou queijo derretido, entre outros ingredientes).

Acompanhados pelo clássico vinho quente húngaro ou de chá quente.

 

Gastronomia húngara em mercado de Natal – Budapeste

 

Langos de Perú – Budapeste

 

Budapest - Hungary

Sopa Goulash – Budapeste

 

Na docaria, os bolos e pastéis, tais como o “dobos”, um bolo cremoso de chocolate coberto de caramelo, e a “eszterházy torta”, feita com avelãs e creme de manteiga condimentada com conhaque ou baunilha e merengue de amêndoa.

 

Os famosos Kurtos – Budapeste

 

DICAS DOS MEMBROS:

 #95 BUDAPESTE (HUNGRIA)

 

C.Maciel – Budapeste, Hungria

É, de facto um destino “batido”, e com inúmeros testemunhos de viajantes. Não sou nenhum expert em viagens, contudo tenho gosto em partilhar umas dicas, ajudando assim o próximo. Por vezes, pequenos detalhes/pormenores que por mais irrelevantes que pensemos que sejam, são exactamente aquilo que outra pessoa procura para a sua viagem.

  • a Moeda é o Florim Húngaro (FT). Embora €1 equivala a cerca de 334ft, o arredondamento por é quase sempre 300ft para 1€. Compensa, como sempre, pagar na moeda local;
  • WC’s – naturalmente terão vontade de usá-los. Andem sempre com dinheiro pois na maioria delas é preciso pagar para usá-las. Sempre aproximadamente €0,50 / €1,00;
  • Termas de Széchenyi – a meu ver, obrigatório. Em casal, comprámos um bilhete com balneário e outro sem, e usámos os dois o mesmo balneário. Não passam de umas pequenas cabines para nos trocarmos antes e depois dos banhos, e onde podemos deixar os nossos pertences. É usada uma fechadura em que a chave é uma pulseira de borracha que nos dão à entrada. Temos de encostá-la a um sensor num torniquete para entrarmos nos balneários. Essa mesma pulseira dará (ou não) acesso às cabines (se pagar), e que depois serve para passar noutro torniquete à saída, onde a pulseira tem de ser depositada/devolvida. O horário é das 6:00 às 22:00. Eu sugiro irem bem cedinho para desfrutarem bem do espaço, com pouca gente na água, nos balneários. Fomos às 07:45, e ainda apanhámos o espaço com meia dúzia de velhinhos, mas por volta das 9h já era “Instagramers” por todo o lado.
  • Transportes TVDE – segundo li em alguns sítios, não arrisquem entrar num Táxi sem ter o valor e o destino previamente definidos. Não existe UBER. Usámos muitas vezes BOLT, que não deixam de ser Táxis amarelos que também fazem serviços através da plataforma digital. O “taxímetro” começa a contar já com 700*, e depois é sensivelmente 300/min.
  • Transportes de/para Aeroporto – o chamado “100E” é o shuttle Budapeste-Aeroporto-Budapeste. Custa 900ft (+- €3), e a viagem demora cerca de 25min (dependendo do trânsito). Podem comprar os bilhetes nas máquinas das Estações, através da Aplicação própria, ou até no próprio autocarro, comprando ao motorista.
  • Great Market Hall – não deixa de ser o Mercado local, contudo é bonito de ser visitado, e até porque podemos comer alguns dos pratos locais no segundo piso. Na maioria dos restaurantezinhos não têm Multibanco, mas também aceitam Euros e Dólares.
  • Szimpla – Obrigatório lá irem. É icónico e é o terceiro melhor bar do mundo. Não se vão arrepender de visitá-lo.
  • Restaurantes Kazimir; Bohemtanya Etterem; VakVarju Restaurant; Pesti Vendeglo, Great Market Hall, etc…

 

Budapeste é uma cidade com tudo concentrado num raio pequeno, contudo cada coisa merece o seu próprio tempo de atenção. Embora cada viajante trate cuidadosamente da sua viagem, tomo a liberdade de partilhar um pequeno roteiro.

Começar o dia nas Termas de Széchenyi (maior complexo balnear de Europa)… Desfrutar da mítica Praça dos Heróis… Seguir em direcção à Basílica de Santo Estêvão… Atravessar a Ponte das Correntes, subir até ao Bastião dos Pescadores e Matthias Church, que são no mesmo sítio… Ali mesmo ao lado têm o Castelo de Buda. Poderão descer de Funicular. Daí seguir em direcção à Citadela, que fica na Colina Gellért (durante a caminhada passarão pela estátua de S. Gellért que fica sob a Ponte Isabel)… Poderão agora descer pelo lado do Hotel Gellért, atravessar a Ponte da Liberdade e do outro lado têm o Great Market Hall… Daqui sigam pela margem do Danúbio, apreciem a estátua d’A Princesinha… Mais à frente têm o Memorial dos Sapatos à Beira do Danúbio, seguindo até aos Jardins do Parlamento. Atravessem a Ponte Margarida, sigam em direcção à Ponte das Correntes, mas pelo meio desfrutar do Danúbio e da vista para o Parlamento (de noite a vista é ainda mais bonita)… Atravessar a Ponte das Correntes e ir a um dos Mercados de Natal (se for época disso), e bebam um dos famosos Gluwein. Jantem em algum lado, e terminem o dia no Szimpla.

Viagem, visitem, desfrutem, que é aquilo que levamos desta vida!

  

Cruzeiro sobre o Danúbio e ponte da Liberdade – Budapeste

 

D.Pires-Adoro este grupo e com vocês aprendo muito e tiro muitas dúvidas. Em Abril queremos fazer uma viagem até Budapeste. Quais os locais a visitar, dicas, aceito todas as vossas ajudas sobre o destino. Obrigado!”

 

M.Loureiro “Budapeste é uma cidade fantastica, na Primavera tem a aroma das centenas de árvores de tília em flôr em todas as ruas da cidade.”

G.Pereira – “Budapest tem muito para ver…cidade linda, rede de transportes muito boa, refeições boas e a bom preço.”

A.Alves- Se tiver tempo suficiente apanhe o comboio e vá a Szentendre fica a menos de uma hora de Budapeste. Vá Jantar ao Sir Lancelot e ao Paprika, ambos é melhor marcar e para poupar no cruzeiro no Danúbio apanhe o último ferry na primeira estação e vá até a última estação que é depois do parlamento. Escusa de pagar um cruzeiro de propósito.”

C.Romeira- Budapeste é lindíssima, cidade, museus, igrejas, noite, Danúbio, amei esta cidade. Buda também é mágica e tem uma vista brutal sobre Peste. A cidade, tirando Buda, é plana, sem grandes subidas e passeia se muito bem.”

C.Cunha-  Catedral Budapeste, palácio Reis, ruínas, sinagoda judia, parlamento, cruzeiro barco a noite com jantar ou bebida, palácio de Buda, catedral de St Matias e praça dos pescadores.”

S.Matos-   Eu aluguei apartamento junto da Catedral, que por ser muito central podíamos visitar muita coisa a partir dali. Recomendo que para o Parlamento deve comprar bilhete online para evitar filas. Para qualquer outro monumento não precisa porque tira facilmente lá. Se for vai gostar muito!”

P.Rodrigues-  Uma curiosidade 😊 eu estive 2 semanas em Budapeste através da Universidade e tive a oportunidade de falar com sobreviventes de Auschwitz, que nos ensinaram que na cultura judaica, eles não põem flores para honrar os mortos, pois elas murcham e desaparecem, mas sim pedras, pois elas resistem às mudanças de tempo 😊 por isso quando forem, deixem uma pedrinha.”

 

Traçado de roteiro de 4 dias por Budapeste:

 

DIA 1 Peste (Basílica de Santo Estevão / Vaci Utca)

 

Centro da cidade fica na zona de Peste (também designado por Belváros) é o centro do comércio da cidade, repleto de belos edifícios, lojas e cafés. Muitas das suas ruas são zonas pedonais, ideal para passear e realizar compras.

 

Saída: METRO VOROSMARTY TÉR (M1- amarelo)

 

Basílica de Santo Estevão (Szent István Bazilika)- Edifício neoclássico católico, é um dos mais altos (com 96 metros) e impressionantes edifícios de Budapeste. É a maior igreja do país comportando mais de 8000 pessoas no seu interior.

Suba até à cúpula da Igreja, de onde a vista sobre a cidade é magnífica. O valor são 600 HUF.

Assista ainda, a um concerto de cordas e orgãos, ou à actuação de um coro de igreja.

Budapest - Hungary

Basílica de Santo Estevão – Budapeste

 

Budapest - Hungary

Actuação de coro na Basílica de Santo Estevão – Budapeste

 

Budapest - Hungary

Basílica de Santo Estevão – Budapeste

 

Panorâmica da cidade desde o topo da Basílica de Santo Estevão – Budapeste

 

Vaci utca- O principal local da cidade para compras. Lojas com as diversas marcas de moda.

 

Budapest - Hungary

Vaci utca – Budapeste

 

Caso, visite Budapeste na época Natalícia, encontrará diversos mercados de Natal.

Na Praça Vorosmarty (localizada no centro da cidade) encontra o mais importante.

Comida tradicional, danças foclóricas e música ao vivo. Produtos artesanais, distribuidos por 150 barracas com muita arte e cultura local.

O acender das velas da Coroa do Advento é acompanhado por corais cantando. Para além dos grupos de coral, terá a oportunidade de assistir a diversos espectáculos desde o folk, jazz, blues, soul até ao house, dance ou world music.

Na praça fica ainda localizada a famosa Cafetaria Gerbeaud, no fim da rua Vaci utca (Vaci Street).

 

Mercado de Natal na Praça Vorosmarty – Budapeste

 

Estátua de polícia na Vaci utca – Budapeste

 

DIA 2Peste (Grande Sinagoga / Parlamento)

 

Saída: METRO ASTORIA (M2- vermelho)

 

Grande Sinagoga (séc.XIX)- Dohány utcai Zsinagóga (4000 HUF) Localizada na Dohány utca, é a maior Sinagoga da Europa e a segunda maior do Mundo, em estilo bizantino, acolhendo mais de 3000 pessoas no seu interior.

 

Sinagoga de Budapeste

 

Grande Sinagoga (Dohány utcai Zsinagóga) -Budapeste

 

Grande Sinagoga (Dohány utcai Zsinagóga) -Budapeste

 

Alberga o Museu Judaico, sendo um dos mais importantes museus presentes na Europa. Inclui uma vasta colecção de 300 objectos históricos do Judaísmo, alguns datados de 1602.

 

Museu Judaico – Sinagoga de Budapeste

 

Numa homenagem aos judeus mortos na II Guerra Mundial tem uma exposição sobre o gueto de Budapeste e, um monumento ao Holocausto situado nas traseiras.

 

Budapest - Hungary

Monumento ao Holocausto – Sinagoga de Budapeste

 

Budapest - Hungary

Exposição sobre o gueto Judaico de Budapeste

 

Bairro Judaico – Famoso pelas lojas e livrarias antigas, bem como as sinagogas na zona envolvente.

 

Bairro Judaico – Budapeste

 

Almoçar ou jantar no Café New York em Pest ou, tomar um chá e apreciar o interior de um sítio mítico.

 

Café New York – Budapeste

 

Visite o Parlamento (Országház), que é um edifício de uma enorme imponência, situado na margem do Danúbio, concluído em 1904. É o destino mais popular de Budapeste, sendo o local onde se reúne a Assembleia Nacional da Húngria. É considerado o segundo maior parlamento da Europa.

 

Budapest - Hungary

Vista-do-parlamento-desde-o-Bastião-dos-Pescadores-Budapeste

 

Memorial dos Sapatos (Shoes on the Danube Bank)- Situado próximo do Parlamento, representam os judeus mortos pelos Nazis, que antes de serem baleados e atirados ao rio, retiravam os seus sapatos, pois era um item valioso para a época.

 

Budapest - Hungary

Memorial dos Sapatos – Budapeste

 

Percorra a Marginal do Danúbio até à Széchenyi István tér, à entrada da Ponte das Correntes (Széchenyi Lánchíd). Liga Buda a Peste desde 1849.

 

Budapest - Hungary

Ponte das Correntes -Budapeste

 

DIA 3  Buda (Mercado Central / Cidadela / Colina do Castelo)

 

Saída:  METRO FOVAM TÉR (M4- Verde)

 

Mercado Central (Great Market Hall- Nagy Vásárcsarnok) fica localizado frente à Praça Fóvam, e da ponte da liberdade no lado de Pest. É o mais importante mercado da cidade. Iguarias húngaras, carne, enchidos ou doçaria, lojas de souvenirs, tudo encontra neste emblemático mercado!

 

Budapest - Hungary

Mercado Central (Great Market Hall) – Budapeste

 

Budapest - Hungary

Mercado Central (Great Market Hall) – Budapeste

 

Budapest - Hungary

Mercado Central (Great Market Hall) – Budapeste

 

Atravessando a pé a ponte da Liberdade para Buda chegará à Cidadela e às Termas Gellert.

As Termas Gellert estão inseridas no Hotel Gellért, desde 1918. São constituídas por 2 piscinas termais exteriores e 6 piscinas interiores. Poderá realizar diversos tratamentos, massagens, ou apenas usufruir destas águas termais a temperaturas 26-40ºC.

 

Budapest - Hungary

Gellert – Budapeste

 

Na Cidadela encontrará uma das mais belas e incríveis vistas panorâmicas da cidade! Através de uma caminhada pelo parque até ao topo, onde poderá vislumbrar a magnífica paisagem!

 

Budapest - Hungary

Vista da cidade desde a Cidadela – Budapeste

 

Budapest - Hungary

Cidadela – Budapeste

 

A norte da zona de Buda, encontrará a Colina do Castelo.

O Castelo de Buda (1265), aí localizado, foi conhecido no passado como Palácio Real. Castelo histórico da realeza húngara em Budapeste, onde poderá conhecer a sua história, e contemplar a vista panorâmica sobre a cidade.

 

Budapest - Hungary

Colina do Castelo – Budapeste

 

Budapest - Hungary

Castelo de Buda – Budapeste

 

Percorrendo a colina do Castelo, passando por casas oitecentistas, chegará à Igreja de Matias (Mátyás Templam- 1 500 HUF). Igreja católica romana (séc.XIV) situada em frente ao Bastião dos Pescadores, é uma das maiores igrejas em estilo gótico da Hungria. Como opção, poderá realizar uma visita ao topo da torre da igreja.

 

Budapest - Hungary

Igreja de Matias – Budapeste

 

Budapest - Hungary

Interior-da-Igreja de Matias – Budapeste

 

Ao lado da Igreja, encontra o Bastião dos Pescadores. Neste terraço neogótico do séc.XIX, terá uma vista panorâmica para o rio Daníbio e o lado de Peste, a Ponte das Correntes, o Parlamento ou a Basílica de Santo Estevão.

 

Budapest - Hungary

Bastião dos Pescadores -Budapeste

 

Budapest - Hungary

Bastião-dos-Pescadores-Budapeste

 

A Ponte das Correntes (ponte Széchenyi Lánchíd) atravessa o rio Danúbio entre as margens de Buda e Peste, sendo concluída a sua construção em 1849. Uma fantástica obra de engenharia, considerada uma das maravilhas construtivas à época da sua inauguração!

 

Ponte das Correntes – Budapeste

 

DIA 4 Peste (Parque Városliget)

 

Saída:  M1 amarelo – Hosoke Ter.

 

Parque Városliget- Parque turístico da cidade onde encontra: o Jardim botânico, Zoo, Banhos Húngaros (Termas Szechenyi), Museu do Transporte, City park ice rink (inverno) e um grande lago, o Castelo de Vajdahunyad e a Praça dos Heróis.

 

Budapest - Hungary

Parque Városliget – Budapeste

 

Budapest - Hungary

Lago no Parque Városliget – Budapeste

 

Budapest - Hungary

Ringue de patinagem de Inverno – Parque Városliget – Budapeste

 

A Praça dos Heróis é uma das mais importantes praças da Hungria. As suas estátuas representam os líderes da nação que tornaram o país indepente, com o legado histórico conhecido nos dias actuais.

 

Budapest - Hungary

Praça dos Heróis – Budapeste

 

As Termas Szechenyi, teve a sua construção em 1913, onde poderá relaxar em águas termais através de 3 piscinas exteriores e 15 piscinas interiores. É considerafo o maior complexo termal da Europa, cuja temperatura das suas águas situam-se nos 18-40ºC.

 

Budapest - Hungary

Termas Szechenyi – Budapeste

 

Localizado no interior do parque, o Castelo de Vajdahunyad é um interessante castelo histórico (séc.XIX), com diferentes estilos de arquitectura, bem preservado, com um lago em seu redor, e belas estátuas.

 

Budapest - Hungary

Castelo de Vajdahunyad – Budapeste

 

Budapest - Hungary

Castelo de Vajdahunyad -Budapeste

 

Situada no seu extremo, frente à praça dos Heróis, fica a Avenida Andrassy. Uma importante avenida de lojas, restaurantes e cafés.

 

Avenida Ambrassy – Budapeste

 

Ao fundo da Avenida, junto à estação de metro “Opera”, situa-se o Miniversum Experience. Local para visitas em família, onde não somente para crianças, mas também igualmente interessante para adultos. Através de uma vasta exposição em miniaturas, conheça diversos cenários da Hungria e também da Aústria. Parte da cidade de Budapeste encontra-se representada com os seus monumentos, áreas rurais e áreas fabris. O mais ínfimo detalhe não foi esquecido, nesta que também é uma experiência interactiva, através de botões existentes, que permitem o movimentar de viaturas, acender de luzes ou de sons. Um local imperdível!

 

Budapest - Hungary

Miniversum Experience – Budapeste

 

Budapest - Hungary

Miniversum Experience – Budapeste

 

Budapest - Hungary

Miniversum Experience – Budapeste

 

Outras atracções turísticas:

Labyrinth– Situado no Castelo de Buda, as medievais passagens secretas do Castelo.

Buda Tower– Torre gótica com 600 anos de existência, onde poderá ter uma vista panorâmica 360º.

Parque aquático indoor Aquaworld– Um dos maiores parques aquáticos da Europa com 11 escorregas, 17 piscinas e uma piscina de surf.

Tropicarium– Tubarões, raias, crocordilos, reptéis, entre outras espécies.

Museu Nacional da Hungria– Poderá viajar ao longo de séculos de história da nação húngara, através dos seus tesouros arqueológicos.

 

 

 

 

João Almeida

Chamo-me João Almeida, moro em Sintra (Portugal), e sou um AMANTE DE VIAGENS. Uma paixão que existe faz longos anos. A minha missão com esta página é de ajudá-lo a realizar o seu próximo destino! Saiba mais sobre mim e sobre o site.

Segue-nos também aqui:

RESERVA DE HOTÉIS

Booking.com

Categorias

SEGURO DE VIAGEM

ARTIGOS DE VIAGEM

PROMOÇÕES DE VIAGEM

RESERVA DE VOOS/ HOTÉIS

BILHETES PARA ACTIVIDADES

GOOGLE TRANSLATE

AMANTES DE VIAGENS

SIGA-NOS NO FLICKR