12 Abr

MALTA

 

DICAS DOS AMANTES DE VIAGENS

 

A melhor informação sobre destinos é aquela que todos os dias são partilhados no nosso grupo de facebook AMANTES DE VIAGENS.

Aqui encontra alguma informação útil dos membros, para preparar a sua próxima viagem!

 

Vamos ajudá-lo no planeamento da sua viagem até…MALTA

 

CAPITAL: La Valletta        

 

PONTOS DE INTERESSE: Fortificações e cidade velha de La Valetta| Popeye Village | Ilha de Gozo 

 

MOEDA: Euro (EUR)

 

VACINAS: O sistema de saúde obedece aos padrões europeus.

É conveniente ter seguro de saúde ou obter o CESD (Cartão Europeu de Seguro de Doença).

 

VISTO: Para os cidadãos da União Europeia é suficiente o bilhete de identidade.

Malta é parte do Espaço Schengen.

 

Malta é um país desenvolvido no sul do continente europeu e consiste em um arquipélago situado no Mar Mediterrâneo, 93 km ao sul da ilha da Sicília  (Itália) e 288 km a nordeste da Tunísia  (África), 1 826 km a leste de Gibraltar e 1 510 quilómetros a oeste de Alexandria.

Malta abrange uma área terrestre de 316 km², tornando-se um dos menores países da Europa, possuindo também a terceira maior densidade demográfica do continente. A sua capital é Valeta e a maior cidade é Birkirkara.

Inúmeras baías ao longo da costa maltesa oferecem bons portos. A paisagem é constituída por baixas colinas com campos. O ponto mais alto em Malta é o Ta’Dmejrek, com 253 metros de altitude perto de Dingli.

La Valletta

La Valletta

 

A visitar…

Malta assumiu uma importância histórica pela sua posição estratégica no Mediterrâneo e pelos seus portos naturais. A ilha principal de Malta tem uma paisagem geográfica de montes baixos e uma linha costeira dentada com várias praias e angras. Dois terços da população vive na região de Valletta.

Malta-La Valletta

Malta-La Valletta

 

O arquipélago de Malta tem um clima tipicamente mediterrânico, com Inverno suave e chuvoso, e Verão muito quente e seco. A melhor altura para visitar o país é entre Março a Junho (água do mar a 23ºC e temperaturas amenas), já que em Julho e Agosto o calor poderá excessivamente alto. Em contrapartida, a temperatura da água do mar sobe aos 26ºC.

Um dos locais na ilha mais procurados pelo turismo, é St. Julian’s Bay.

St.Julian’s Bay

St.Julian’s Bay

 

La Valetta

A cidade La Valetta, capital do país, foi um importante ponto de passagem das rotas comerciais do mundo antigo. Dominada desde meados do século XVI pelos cavaleiros cruzados de S. João, corresponde à concepção militar dessa ordem. É constituída totalmente por muralhas e abrange uma extensão de 56ha. O do Forte de São Telmo, alberga o Museu da Guerra e servia para proteger a entrada dos portos de Marsamxett e o Grande Porto. É de destacar o Palácio do Grande Mestre, com a sua Sala de Armaduras, actualmente palácio presidencial.

La Valletta-Vista aérea

La Valletta-Vista aérea

 

A Catedral da Ilha, é um dos locais imprescindíveis de visita. A antiga igreja conventual de São João Baptista, actualmente a desempenhar funções de Catedral da Ilha, começou a ser construída em 1573.

Catedral em La Valletta

Catedral em La Valletta

 

Popeye Village

Popeye Village , também conhecido como Sweethaven Village, é um grupo de edifícios de madeira rústica e em ruínas localizados em Anchor Bay , no canto noroeste da ilha mediterrânea de Malta, próximo da vila de Mellieha. Foi construído para o filme produzido em 1980 de Popeye , pela Paramount Pictures e Walt Disney Productions. Hoje é aberto ao público como um museu ao ar livre e complexo de entretenimento familiar.

Popeye Village

Popeye Village

 

Ilha de Gozo

Gozo é uma ilha no Mar Mediterrâneo, parte da República de Malta, e a segunda maior ilha em extensão territorial do arquipélago que forma aquele país. Um paraíso para amantes de  mergulho.

Ilha de Gozo

Ilha de Gozo

 

DICAS DOS AMANTES DE VIAGENS

S.Almeida:Malta em que zona ficar ? Perto de praia e noite.” 

M.Moses :” Bom dia, eu fiquei em Paceville ( é um lugar para a Festa ) Não é na praia mesmo mais voçè pode cruzar a ilha de Malta em pouco tempo, é pequena. Boa viagem.” 

F.Silva:” Vou experimentar o Ramla Bay Resort em Melieha.”

J.Silva:” Fiquei em Melieha. No Luna complex holiday em regime APA cerca de 65€ por noite (reservei 3 meses antes) .”

D.César:” Para noite ou Melliena ou St. Julian’s, aqui o alojamento é um pouco mais caro por estar perto de Valeta.”

M.Pouca: Sliema, fiquei lá e não me arrependi. com acessos para todo lado da ilha.” 

D.Martins:” Para praia e noite a zona de Saint Julians e Paceville é a melhor. Tem uma pequena baía com areia, e é lá que há a noite de Malta.”

R.Morais:” Fiquei em Saint Julians. Mas fui para a praia de carro. Para a noite, deu para ir a pé tranquilo.”

A.Barroso:” Sliema, Gzira, Saint Julians. Saint Julians é onde há o Paceville. É a “rua da Oura” de Malta.” 

 

M.Peliteiro:” MALTA Olá a todos! Procuro informações para Malta: o que ver, onde ir e o que comer (o ponto mais importante de todos). Todas as sugestões são benvindas. Obrigado e boas viagens!

Â.Mesquita:” Fui o ano passado, fiquei tão desiludida. Muito cara para o que oferece. Praias desinteressantes, cheias de gente, sem espaço, praias muito rochosas.Gostei da capital, da pra fazer uma visita bonita. De resto, não apreciei. Comida boa, mas pouco para fazer.”

C.Medeiros: O prato típico é coelho…. mas para os não apreciadores há imensos restaurantes italianos por todo o lado. Digamos que não é um pais conhecido pela sua fantástica gastronomia.” 

 

O.Pereira:”Caros viajantes, acabámos de chegar de Malta…E vou tentar retribuir, deixando aqui a minha opinião e algumas dicas…Por toda a ajuda que este grupo me tem dado nas minhas viagens… Espero que vos ajude…
Fomos numa escapadela de 4 dias… Com duas crianças bebés de cerca de 1 ano, com as quais não tivemos qualquer tipo de problema.
– Comprámos as viagens pela Ryanair cerca de 35€ por pessoa ida e volta desde o Porto.
– Ficámos no hotel Cavalieri Art em St. Julian’s de 4 *, 140€ por casal com transfers (10€ casal) e pequeno-almoço, podia ter sido mais barato se tivéssemos comprado com mais antecedência… Achamos o hotel fantástico tendo em conta a qualidade/preço. Tem piscina interior e exterior, com uma vista fabulosa para o mar…Super central, perto de tudo nesta cidade e com acessos fáceis para toda a ilha e restantes.
– Excursões de barco+bus para as ilhas de Gozo e Comino, sem almoço e com bar aberto, durante um dia, por cerca de 40€ por pessoa, crianças (não bebés) cerca de 20€, com roteiro completo pelas duas ilhas. Tem restaurante no barco, mas é boa ideia levarem merenda… Não será fácil terem tempo para comer nem oportunidade para encontrarem muitos sítios onde o fazerem.
– Existe a excursão em bus panorâmico pela parte norte da ilha, bus azul, e sul bus vermelho, cerca de 17€ por pessoa cada uma das escolhas. Leva um dia cada uma, se quiserem sair em todas as paragens e conhecer tudo, mas a volta sem saídas dura cerca de 2h30. Tem um horário estipulado para cada bus passar em cada paragem e vocês definem o vosso roteiro ao vosso ritmo. Tem guia áudio em português.
– Os bus públicos são de fácil acesso a todo o lado e os bilhetes rondam os 2€ por rota, mas muito mais demorados e para pouco tempo, achámos que não são a melhor opção.
– É um país muito organizado em termos de turismo, mas quase todas as atrações são a pagar. Achávamos que seria um país mais acessível, mas não foi isso que constatámos. Não fica assim tão barato em termos de alimentação, nem em entradas de pontos de interesse, tendo em conta Portugal para termo de comparação.
– A condução é à esquerda, achámos que isso não seria problema e íamos alugar carro, mas quando lá chegámos e vimos a falta de organização, ainda que resulte para eles, perdemos a vontade de o fazer. Saímos de lá sem perceber as suas regras do desenrasca.
– Comunicação muito fácil em inglês com toda a gente.
– Taxa eco de 0,50€ por noite e por pessoa, paga no hotel.
– Aldeias com pessoas muito humildes e genuínas de conversa fácil.
– Achámos as bebi às caras, comparadas com o resto. Principalmente a água, mas para compensar existem pontos com água fresca para encher as garrafas na rua. Por exemplo, 500ml a 0,10€.
– Popeye Village com entrada de 20€ por pessoa e para visitar o aquário nacional de Malta, também.
– Museus cerca de 10€ por pessoa a entrada.
– Cor de mar e céu, fenomenais. Azul do mar lindo, lindo e cristalino.
– País com uma história interessante.
Nós perdemo-nos entre as gentes e gostámos da experiência. Ainda que, não seja adepta de repetir lugares, também não será um país que terei vontade de repetir.
Foi uma viagem fantástica, como todas, com as suas surpresas, mas é um país já muito direcionado para o turismo, e na minha opinião, está a perder as raízes, mas é só a minha mera opinião. Deixo algumas fotos do que é menos turístico.
Espero ter ajudado!…
Boas viagens!..” 

 

 

João Almeida

Chamo-me João Almeida, moro em Sintra (Portugal), e sou um AMANTE DE VIAGENS. Uma paixão que existe faz longos anos. A minha missão com esta página é de ajudá-lo a realizar o seu próximo destino! Saiba mais sobre mim e sobre o site.

Segue-nos também aqui:

RESERVA DE HOTÉIS

Booking.com

Categorias

SEGURO DE VIAGEM

ARTIGOS DE VIAGEM

PROMOÇÕES DE VIAGEM

RESERVA DE VOOS/ HOTÉIS

RESERVA AUTOMÓVEL

BILHETES PARA ACTIVIDADES

GOOGLE TRANSLATE

AMANTES DE VIAGENS

Grupo nº1 Facebook- Viagens - PORTUGAL

SIGA-NOS NO FLICKR

Mapa Hoteis em Portugal

bHotel com Piscina Interior pHotel de Luxo rPousada yTermas e SPA gTurismo Rural