4 Set

RESERVAS DA BIOSFERA TRANSFRONTEIRIÇAS

RESERVAS DA BIOSFERA TRANSFRONTEIRIÇAS RECONHECIDAS PELA UNESCO PORTUGAL-ESPANHA

 

O Programa Man & Biosphere (MaB) é um programa científico da UNESCO que tem como objetivos gerais: a conservação da biodiversidade, a melhoria da qualidade de vida das populações e a promoção do desenvolvimento económico sustentável. Os objetivos deste Programa materializam-se no terreno através da designação de Reservas da Biosfera.

As Reservas da Biosfera da UNESCO têm obrigatoriamente que promover 3 funções: a conservação e preservação de paisagens, ecossistemas e espécies; um desenvolvimento social, cultural e ecologicamente sustentável; e a investigação, monitorização, divulgação e sensibilização ambientais.

O carimbo UNESCO é diferenciador pela qualidade e pela excelência e são sinais de distinção que atingem a memória dos cidadãos. O facto ainda de estar integrado numa Rede Mundial potencia a divulgação e a visibilidade mundiais que levam necessariamente a um aumento da procura destes territórios através da visitação/turismo com os consequentes impactos na economia local/regional.

Existem neste momento 16 Reservas da Biosfera Transfronteiriças no mundo e 3 em Portugal.

 

RESERVA DA BIOSFERA TRANSFRONTEIRIÇA GERÊS – XURÉS

Reserva da Biosfera Transfeiteiriça Gerês-Xurés

Reserva da Biosfera Transfeiteiriça Gerês-Xurés

 

A Reserva da Biosfera Transfronteiriça Gerês-Xurés está localizada na Comunidade Autónoma da Galiza (Espanha) e na Região Norte de Portugal.

Em Portugal, o território delimitado pelo Parque Nacional da Peneda-Gerês integra o Sítio de Importância Comunitária Peneda-Gerês.

Em Espanha, o território delimitado pelo Parque Natural Baixa Limia-Serra do Xurés integra-se no sítio de Importância Comunitária Baixa Limia.

Nesta área, a existência de microclimas associados à constituição essencialmente granítica do solo, favorecem a diversidade botânica conferindo à Reserva um lugar de destaque no que diz respeito à flora ibérica. Destacam-se neste território espécies como o lírio-do-Gerês (Iris boissieri), a timeleia (Tymelea broterana), as armérias (Armeria humillis Subs. Humillis), entre outras.

Por outro lado, a diversidade de habitats e de flora associados à fisiografia singular da Reserva, favorecem a ocorrência de uma grande diversidade de fauna. Estão identificadas 161 espécies de aves, muitas das quais migradoras, destacando-se pelo seu estatuto de conservação e pela reduzida área de distribuição na Península Ibérica: a águia-real (Aquila chrysaetos), a gralha-de-bico-vermelho (Pyrrhocorax pyrrhocorax), o bufo-real (Bubo bubo) e o falcão-abelheiro (Pernis apivorus).

Portugal

Reserva da Biosfera Transfronteiriça Meseta Ibérica

 

RESERVA DA BIOSFERA TRANSFRONTEIRIÇA MESETA IBÉRICA

A denominação de “Reserva da Biosfera Transfronteiriça Meseta Ibérica” é um selo de excelência que foi atribuído a um território onde existe simbiose entre o Homem e a Biosfera e através do qual se visa potenciar o turismo, a conservação da Natureza, os produtos regionais certificados e a criação de novas oportunidades de emprego.

Esta região contém uma grande variedade de espécies animais, contando cerca de 250 espécies de vertebrados e o reconhecimento de uma vasta e rica diversidade de invertebrados também, muitas delas de destaque e objecto de projectos de conservação como: a cegonha negra (Ciconia nigra), o abutre do Egipto (Neophron pernocpterus), a águia de Bonelli (Aquila fasciata), a águia-coruja euroasiática (Bubo bubo), o lagarto de parede Bocage (Podarcis bocagei), víbora de Seoane (Vipera seoanei), a lontra europeia (Lutra lutra) e o Lobo Ibérico (Canis lupus signatus).

Nesta região também se encontram muitos monumentos do tempo dos Romanos e da Idade Média. Nalgumas localidades existem vestígios/ruínas de fortes, castelos e recintos murados que foram palco de guerras entre os reinados de Espanha e Portugal durante a Idade Média, numa altura em que as zonas de fronteira eram usadas para protecção tendo tido assim grande importância. Além disso, possui um património cultural único manifesto na arquitectura, costumes/tradições e folclore.

A “Reserva da Biosfera Transfronteiriça Meseta Ibérica” reconhecida pela UNESCO é a que tem maior área na Europa e engloba:

1- O Nordeste Transmontano (Distrito de Bragança-Terra Quente e Terra Fria, integrando 11 municípios) do lado de Portugal.

  • Pertencentes à Terra Fria Transmontana estão os municípios de: Bragança, Vinhais, Vimioso, Miranda do Douro e Mogadouro.
  • Pertencentes à Terra Quente Transmontana estão os municípios de: Macedo de Cavaleiros, Mirandela, Alfândega da Fé, Vila Flor, Carrazeda de Ansiães e Freixo de Espada à Cinta.

 2- O município de Figueira de Castelo Rodrigo (Distrito da Guarda) do lado de Portugal.

3- A província de Zamora do lado de Espanha (com 48 municípios).

4- A província de Salamanca do lado de Espanha (com 27 municípios).

 

Além de 4 parques naturais:

  1. Lago da Sanabria e arredores (Espanha)
  2. Montesinho (Portugal)
  3. Douro Internacional (Portugal)
  4. Arribes del Duero (Espanha)
Bragança- Portugal

Parque Natural de Montesinho

 

E engloba ainda:

  • o Geoparque Terras de Cavaleiros (geoparque mundial da UNESCO)
  • o Parque Natural Regional do Vale do Tua

 

além de outros diversos espaços Rede Natura 2000.

 

RESERVA DA BIOSFERA TRANSFRONTEIRIÇA TEJO-TAJO INTERNACIONAL

Reserva da Biosfera Transfronteiriça Tejo-Tajo Internacional

 

 

João Almeida

Chamo-me João Almeida, moro em Sintra (Portugal), e sou um AMANTE DE VIAGENS. Uma paixão que existe faz longos anos. A minha missão com esta página é de ajudá-lo a realizar o seu próximo destino! Saiba mais sobre mim e sobre o site.

Segue-nos também aqui:

RESERVA DE HOTÉIS

Booking.com

ARTIGOS DE VIAGEM

EXPERIÊNCIAS EM PORTUGAL

- Procurar experiências
O que você quer fazer?

PROMOÇÕES DE VIAGEM

Mapa Hoteis em Portugal

bHotel com Piscina Interior pHotel de Luxo rPousada yTermas e SPA gTurismo Rural